NÃO RecomenDabul | One Punch Man S02

Eu to bem triste…

Bernardo Dabul

Lembra quando eu falei lá no início do RecomenDabul que eu ocasionalmente falaria sobre coisas além de jogos? Bom, hoje é um desses casos. Só que pra dar ainda mais um gostinho diferente, ao invés de recomendar algo para consumir, vou recomendar algo para FICAR LONGE! Quem é o sujeito essa semana? One Punch Man, específicamente a segunda temporada. Vamos nessa.

Acho importante estabelecer de início que a PRIMEIRA temporada de One Punch Man é simplesmente sensacional. O estúdio Mad House fez um anime brilhante, com animações espetaculares, uma história que satiriza e subverte praticamente todos os clichês desse gênero de anime e uma dublagem sensacional. Tudo isso tá disponível na Netflix e eu recomendo FORTEMENTE você assistir.

Dado o parágrafo acima, você pode imaginar como eu fiquei animado quando anunciaram que a segunda temporada da série estava sendo produzida. Finalmente iríamos descobrir se Saitama, o homem mais forte do mundo que derrota todos com só um soco, encontraria alguém no seu nível. Garo, um vilão conhecido do mangá, finalmente apareceria na TV. Mais batalhas dinâmicas e bem dirigidas e animadas! O hype só crescia.

Então veio uma notícia estranha: Mad House não ia ser responsável pela nova temporada, com a produção passando agora para J.C. Staff. Além disso, começaram a sair alguns trailers e tudo parecia meio… estranho. Mas tudo bem, desde que a história conseguisse carregar o resto da temporada… O que infelizmente também não aconteceu.

O último episódio da S02 foi ao ar nessa terça feira (02 de julho) e a única sensação que consigo ter é que desperdicei meu tempo. Esse arco levou o Saitama para um torneio de luta sem propósito. Nenhum dos personagens que orbitam Saitama tiveram algum desenvolvimento relevante (talvez com a exceção do King). Garo mal fez algo de relevante essa temporada, sendo que ele foi taxado como o vilão!

E as lutas… MEU DEUS DO CÉU, AS LUTAS. Para ajudar vocês a compreender um pouco minha dor, segue uma luta da primeira temporada:

Poucas animações repetidas, movimentos fluidos e a câmera seguindo a ação ajudam a manter a cena inteira interessante! Agora, vamos comparar com uma luta da segunda temporada:

Uma luta que tem uma grande relevância na temporada é repleta de animações genéricas e muita conversa que não leva a lugar nenhum (isso porque o vídeo tem cortes no meio!).

Eu entendo que a indústria de anime é dura com seus funcionários e nem toda temporada vai ser espetacular. O que provavelmente aconteceu é que a série já estava parada há tanto tempo, que os executivos optaram fazer tudo às pressas ao invés de dar o devido tempo para lançar um conteúdo de qualidade. A troca de estúdios corrobora essa teoria, assim como o lançamento ser logo depois do fim da segunda temporada de Mob Psycho 100 (que é do mesmo criador).

Ainda assim, é uma decepção enorme ver uma obra que ganhou tanta popularidade por suas qualidades descartar tudo isso a favor de fazer uma segunda temporada corrida e irrelevante. Imagino que One Punch Man receba terceira temporada e, se for o caso, talvez seja possível até pular da primeira direito para ela. É nesse nível.

Talvez na próxima, Garou

Semana que vem voltamos com a programação de jogos normal! Se você ainda assim quer um jogo pra essa semana, dá uma olhada no RecomenDabul da semana passada! Lá tem 22 jogos que ainda estão em promoção na Steam Summer Sale!